AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MIRANDA DO DOURO

PLANO DE AÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DIGITAL DA ESCOLA

PADDE DO AGRUPAMENTO

 Caixa Sugestões

PARTICIPA! DÁ TUA OPINIÃO!


 

 

 

 

 

ENQUADRAMENTO 

TOPO

 

 

 

O Programa de digitalização para as Escolas, no âmbito do Plano de Ação para a Transição Digital, de 21 de abril de 2020 (Resolução do Conselho de Ministros n.º 30/2020) prevê o desenvolvimento de um programa para a transformação digital das escolas.

Este programa contempla uma forte aposta no desenvolvimento das competências digitais dos docentes necessárias ao ensino e aprendizagem neste novo contexto digital: Plano de Capacitação Digital de Docentes.

 

 

 

 

 


 

 

 

 

O QUE É UM PADDE?

TOPO

 

 

Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das Escolas (PADDE) tem por base o quadro conceptual dos documentos orientadores desenvolvidos pela Comissão Europeia, designadamente o DigCompEdu e o DigCompOrg. Deste modo, as áreas de intervenção do PADDE incidirão nos diferentes domínios da organização escolar no âmbito das tecnologias digitais: Envolvimento Profissional, Ensino e Aprendizagem, Avaliação das Aprendizagens, Desenvolvimento Profissional Contínuo e Liderança.
 

A elaboração deste Plano deve ter em conta diversas etapas, desde:
   - recolha de evidências: a partir da informação recolhida por processos de diagnóstico;
   - análise dos dados: interpretação e reflexão sobre os resultados alcançados;
   - elaboração: definição do Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital;
   - implementação: período temporal em que o plano é desenvolvido na prática;
   - monitorização das ações e avaliação: aferição e adequação dos níveis de implementação e consecução dos objetivos  definidos no plano.

 

 


 

 

 

 

 

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA

TOPO

 

 

 


 

 

 

CAPACITAÇÃO DIGITAL DE DOCENTES

TOPO

 

 

Plano de Capacitação Digital de Docentes (PCDD) pretende garantir o desenvolvimento das competências digitais necessárias ao ensino e aprendizagem neste novo contexto digital. Para isso, a Direção-Geral da Educação (DGE) articula com os Centros de Formação de Associações de Escolas (CFAE) o desenvolvimento desta iniciativa através de um conjunto de atividades, das quais se destacam as oficinas de formação em 3 níveis de proficiência digital. A capacitação dos docentes tem um papel determinante no alicerçar da integração transversal do Digital nas suas práticas profissionais e pedagógicas, na vida da escola, nas suas rotinas e procedimentos diários, na vida dos alunos, nas suas práticas de aprendizagem e exercício de cidadania.